Passeio de Catamarã: Ilha Comprida- Registro

Água no Vale do Ribeira é o que não falta; as opções de turismo também não!

São inúmeras as possibilidades de usufruir, de maneira sustentável, dos rios e mares do Vale. O Rio Ribeira de Iguape nasce na Serra do Paranapiacaba, no Estado do Paraná e deságua no Oceano Atlântico, no litoral sul do Estado de São Paulo, percorrendo uma extensão total de 470 km, sendo 130 km em terras paranaenses, 250 km em território paulista e 90 km em divisa entre os dois Estados. A bacia do Ribeira de Iguape ocupa uma área de 15,5 mil quilômetros quadrados.

Nas suas margens, vivem pequenos agricultores, quilombolas e comunidades indígenas. A região abrange a maior área remanescente de Mata Atlântica que, no passado, estendia sobre quase todo o litoral brasileiro.

Dentre inúmeras possibilidades de atividades, geralmente de aventura, que são praticadas ao longo do Rio Ribeira, como caiaque e rafting, agora temos uma nova opção: Passeio de Catamarã!

Em busca de novos destinos, aconteceu um roteiro experimental neste último final de semana. O trajeto foi: Ilha Comprida – Registro. A viagem durou 3h30, saindo da marina Barreira em Ilha Comprida no mar pequeno, passando pela Jureia até chegar ao Rio Ribeira. É possível avistar o encontro do mar pequeno, o mar e o Rio Ribeira na passagem entre o mar pequeno e a barra do Ribeira; afinal, o Rio Ribeira é o único rio do estado de São Paulo que deságua no mar.

3h30 passaram num piscar de olhos diante da natureza exuberante que se apresenta diante de nossos olhos: a paisagem, vilas de pescadores, caiçaras e ribeirinhos. Passamos também pelo bairro Jipovura em Iguape, onde está a Colônia Katsura, primeira do Brasil a receber colonos japoneses. Iguape é considerada Berço da Colonização Japonesa no Brasil, através da Lei nº 11.642 de 2008.

.Confira um pouco de como foi este passeio:

 

Curta a Fanpage: Registrando Viagens

😉

0 comments