Peru

30 experiências imperdíveis no Peru

Nem só de Machu Picchu vive o Peru!

Conheça 30 experiências que você pode viver no Peru! Uma só viagem não é suficiente para descobrir todas as maravilhas que existe lá. Dá vontade de ir correndo! 😀

Foto: machupicchu.org

Foto: machupicchu.org

 

1. Cavalinhos de totora – As embarcações feitas de juncos da planta de totora foram usadas na pesca pelos habitantes das culturas Moche e Chimu. Hoje, elas são um meio de trabalho e de transporte nas praias de Huanchaco (La Libertad), Pimentel e Santa Rosa (Lambayeque), sendo usadas pelos pescadores e veranistas para dropar as ondas.

Foto: Huanchaco Tours

Foto: Huanchaco Tours

 

2. Festas tradicionais – são celebradas em todo o Peru. Durante a festa da Virgen del Carmen em Paucartambo (Cusco), a Virgem sai em procissão, cercada por dançarinos e personagens mágicos e religiosos.

Foto: Adventure Heart Peru

Foto: Adventure Heart Peru

 

3. Comunidades nativas da Amazônia – Além de ser um refúgio para a biodiversidade, a floresta peruana é também o lar de comunidades que possuem identidade, língua e costumes próprios, como os yagua de Loreto.

4. Turismo rural comunitário– O Peru está cheio de recantos que ainda não foram tocados pela modernidade, mantendo as suas tradições ancestrais, como a comunidade de tecelões da Ilha Taquile no Lago Titicaca (Puno).

Tecelões na Ilha Taquile

Tecelões na Ilha Taquile

 

5. Ver a dança do Cavalo de Paso peruano em fazendas e campos no vale de Lurín, na periferia de Lima. Esta roça de atributos únicos no mundo destaca-se por seu andar característico, como se estivesse dançando. Em abril, o Concurso Nacional de Cavalo de Paso Peruano reúne os melhores criadores e os seus expoentes na fazenda Mamacona.

Cavalos de Paso peruano  Foto: raca-cavalos.com

Cavalos de Paso peruano
Foto: raca-cavalos.com

 

6. Entretenimento noite e dia – Um cartaz de teatro variado; desfiles de moda; festivais de cinema; exposições de arte; concertos; feiras de fotografia, livros e gastronomia são apenas algumas das atrações da ativa agenda cultural da cidade, além dos bares, restaurantes e discotecas.

7. Cidade de museus – A história peruana se reflete nos seus diversos museus com extraordinárias coleções de peças de ouro e prata, tecidos e cerâmicas do Peru antigo, bem como obras de arte e artesanato.

8. Destino de compras – Em Lima você pode encontrar artesanato e produtos de todo o país: roupas finas de algodão, vicunha e alpaca (camélido sul-americano de pelo muito valorizado), joias em ouro e prata, almofadas bordadas e retábulosde Ayacucho; cerâmica de Chulucanas (Piura) ou cobertores e tapetes de Cusco são apenas alguns deles.

9. Canoagem no rio Urubamba (Cusco) com áreas de corredeiras curtas e pouca dificuldade técnica, além de outras de mais velocidade e risco com grandes torrentes.

Canoagem no rio Urubamba Foto: Peru Rafting Tours

Canoagem no rio Urubamba
Foto: Peru Rafting Tours

 

10. Caminho Inca (Cusco) – Seguir uma parte dos caminhos traçados pelos Incas para unir o império é uma experiência única; ainda mais se o ponto final é a deslumbrante cidade de Machu Picchu.

11. Surf e outros esportes aquáticos – Os especialistas podem dropar a onda esquerda mais longa do mundo (2Km/ 1,2mi) em Puerto Chicama, Trujillo (La Libertad). Os amantes do mar podem praticar esportes, como a pesca, a motonáutica, o windsurf e kitesurf, entre outros.

Surf no Puerto Chicama Foto: Whtours

Surf no Puerto Chicama
Foto: Whtours

 

12. Reserva Nacional Tombopata (Madre de Dios) – Ter acesso à reserva navegando pelo rio e ficar em um dos albergues da zona é uma verdadeira aventura.

13. Andinismo na Cordillera Blanca (Ancash) – Nesta imponente cordilheira encontra-se o Huascarán, a montanha mais alta do Peru (6.768 metros/ 22.205 pés). O Parque Nacional Huascarán protege a flora, a fauna e a beleza cênica da região, ideal para fazer expedições e caminhadas.

Foto: Go2Peru.com

Foto: Go2Peru.com

14. Passeios de buggy e sandboard no oásis de Huacachina (Ica) – Em Paracas ou no deserto da Huacachina, os passeios de veículos 4×4 percorrem as dunas na velocidade máxima e fazem paradas estratégicas para a prática de sandboard. Você também pode visitar o deserto da Califórnia, em Pisco, em um carro 4×4 (buggies ou jipes).

Oásis de Huacachina (Ica) Foto: World Winder

Oásis de Huacachina (Ica)
Foto: World Winder

15. Huacas Pacllana e Huallamarca (Lima) – Estes centros arqueológicos da Cultura Lima (100 – 650 d.C.), se escondem entre bairros residenciais da capital. Ambos foram centros cerimoniais.

16. O Santuário Arqueológico de Pachacamac (Lima) – Está localizado a 45 minutos ao sul de Lima (31,5Km /22mil). Este oráculo consagrado ao Deus criador Pachacamac foi o principal centro de culto Inca na costa. Ele também abriga templos e pirâmides de culturas anteriores aos Incas como as culturas Lima, Wari e Ychsma.

Santuário de Pachacamac Foto: Viaje Peru Explorer

Santuário de Pachacamac
Foto: Viaje Peru Explorer

17. Tumbas, pirâmides e palácios (Lambayeque e La Libertad) – Em Trujillo (La Libertad) é possível visitar Chan Chan, a maior cidade de barro do mundo pré-hispânico e antiga capital da Cultura Chimu (850 – 1470 d.C.), além de outras huacas e templos, como o Complexo Arqueológico El Brujo, em Magdalena de Cao. Em Chiclayo (Lambayeque), o Museu Tumbas Reales de Sipán mostra o enxoval de ouro e prata de um governante nobre da Cultura Moche (100 a.C. – 800 d.C.) e em Batán Grande está a tumba do Señor de Sicán além de uma impressionante conjunto de pirâmides de adobo da Cultura Lambayeque (750 – 1400 d.C.).

Chan Chan - antiga capital da cultura Chimu Foto: Explora Viagens.com

Chan Chan – antiga capital da cultura Chimu
Foto: Explora Viagens.com

18. Zona Arqueológica Monumental de Kuelap (Amazonas)– Suas paredes de 20 metros de altura lhe dão um caráter monumental.Construída pelos habitantes da Cultura Chachapoya, há aproximadamente 700 anos, ergue-se a 3.000 metros a.n.m.

19. Machu Picchu (Cusco e arredores) – Reconhecida como uma das 7 Novas Maravilhas do Mundo Moderno, a cidade inca de Machu Picchu (“montanha velha” em quíchua) imita a silhueta da montanha do mesmo nome, erguida ao lado do Wayna Picchu (“montanha jovem” em quíchua). Ela está localizada a pouco mais de 112 Km de trem desde a cidade de Cusco.

Machu Picchu Foto: zwallpix

Machu Picchu
Foto: zwallpix

 

20. Linhas e geoglifos de Nasca (Ica) – Estas misteriosas figuras (linhas, formas geométricas, antropomórficas e zoomórficas) podem medir até 275 metros de comprimento foram traçadas através de sulcos de até 30cm de profundidade pelos habitantes de Cultura Nasca, cujo legado permanece intacto há quase 1500 anos.

Beija flor - Linhas e geoglifos de Nasca

Beija Flor – Linhas e geoglifos de Nasca

 

21. Valle del Colca ( Arequipa) – Daqui é possível ver o majestoso condor voando entre montanhas de até 5.000 metros de altura e as ladeiras íngremes do Cañón del Colca, um dos mais profundos do mundo, com mais de 4.160 metros.

22. O Santuário Histórico Bosque de Pómac (Lambayeque) é um rico ecossistema que obriga espécies de mamíferos como o gato palheiro e uma grande variedade de aves como o corta-ramos peruano, a coruja-buraqueira e o pica-pau-de-banda-branca. A Área de Conservação Privada de Chaparrí (Lambayeque) está localizada nas florestas secas de Lambayeque e possui uma grande variedade de animais selvagens, como o urso de óculos e o jacu de asas brancas.

23. Praias do Norte (Tumbes e Piura) – Na costa norte do Peru é verão o ano todo: sempre é possível desfrutar de suas praias, boa infraestrutura hoteleira e gastronomia de renome. Além disso, é um lugar privilegiado para observação de baleias jubarte em sua jornada migratória para a Antártida, de agosto a outubro.

Praia de Piura Foto: wampuperu.com

Praia de Piura
Foto: wampuperu.com

 

24. Parque Nacional do Manu e Reserva Nacional de Tampobata (Madre de Dios) – O Parque Nacional do Manu e a Reserva Nacional de Tampobata (Madre de Dios) são duas das mais importantes áreas protegidas do país. Elas concentram uma enorme variedade de espécies de aves, mamíferos, peixes, insetos, répteis e plantas, muitas delas endêmicas.

25. Rio Amazonas e Reserva Nacional Pacaya Samiria (Loreto) – Da cidade de Iquitos pode começar o passeio pelo rio Amazonas, que nasce no Peru, até a reserva natural, área da úmida floresta tropical que abriga uma rica flora e fauna, incluindo algumas espécies como o boto-cor-de-rosa, que só habita essas águas.

26. Reserva Nacional de Paracas e deserto de Ica – A reserva e as vizinhas Ilhas Ballestas são o refúgio de lobos-do-mar, pinguins de Humboldt, golfinhos, flamingos e outras espécies de aves. Mais ao sul, o deserto mostra suas impressionantes dunas e o oásis da Huacachina.

Reserva Nacional de Paracas Foto: mochileiros.com

Reserva Nacional de Paracas
Foto: mochileiros.com

 

27. Energia Natural – Há destinos onde ainda é possível se desligar do mundo. Lugares tão incríveis como míticos que enchem de energia e permitem se deixar levar pelo prazer. Beber um copo de champagne em uma tenda beduína no deserto de Ica ou desfrutar de uma tarde de sol em uma casa de campo privada com spa e fontes termais naturais no vale de Arequipa.

28. Luxuoso cruzeiro pelo Amazonas – Uma oportunidade única para visitar as comunidades nativas e ver as exóticas flora e fauna local, com o conforto de uma viagem cinco estrelas, com guias especializados e comida gourmet.

Cruzeiro de Luxo pelo Amazonas - Peru

Cruzeiro de Luxo pelo Amazonas – Peru

E a vista do quarto:

Imagine acordar com uma vista dessa!

Imagine acordar com uma vista dessa!

 

29. Lima e a arte de comer bem – A capital do Peru também é conhecida como a capital gastronômica da América. A variedade e riqueza de ingredientes da costa, da serra e da floresta; a união de técnicas ancestrais e modernas, e a fusão de culturas como a chinesa, japonesa, afroperuana e europeias fizeram de Lima um verdadeiro caldeirão de sabores, resultando em uma mistura culinária que agora é uma parte importante da identidade peruana. Desfrutar de um trio de ceviches, prato feito de peixes e frutos do mar, é apenas um dos pequenos prazeres que a culinária local oferece.

Peru: Capital da Gastronomia Foto: aeronoticias

Peru: Capital da Gastronomia
Foto: aeronoticias

 

30. Hotéis boutiques – Uma estadia de luxo em casas colônias, antigos mosteiros e hotéis de design, com a possibilidade de saborear jantares gourmet e desfrutar de um serviço 100% personalizado.

Hotel Boutique De Sol Y Barro

Hotel Boutique De Sol Y Barro

*Fonte: Dados fornecidos pelo PROMPERÚ – Comisión de Promoción del Perú para la Exportación y el Turismo

Programe-se e boa viagem! 😉

Curta a Fanpage: Registrando Viagens

0 comments